quarta-feira, 31 de março de 2010

Seccção de Combate.

Do Furriel Jorge Isidoro recebi este magnifico emblema da companhia de caçadores 1495 representando a corneta,emblema de caçadores,e duas armas ligeiras (G 3)sobrepostas em cruz,e o respectivo capacete.Terceira secção do primeiro grupo de combate,e este grupo de militares ciente de que era a secção que o furriel Isidoro que comandava nos bons e maus momentos.Cada grupo de combate era composto por quatro secções,que na sua totalidade eram quase trinta militares,e comandada por um oficial de patente Alferes.E na minha maneira de ver por aqui já havia muita imaginação nas memórias deste militares, porque o respectivo emblema é engenharia de militares...

3 comentários:

Malu disse...

Quim, meu querido, venho sempre por aqui porque gosto das tuas relatações.
Tua história de vida merece um livro com este nome belo que tem tuas páginas MEMÓRIAS DO ULTRAMAR... já pensou?

Beijinhos

Joaquim Angelo disse...

Queria amiga Malu,muito embora pequenino era possível escrever um livro relatando os acontecimentos porque passamos,há longos anos,e muita coisa fica ainda por dizer...Mas uma coisa é certa enquanto houver fotos vou continuando os meus relatos.Um beijinho e até breve.

Anónimo disse...

O primeiro homem da esquerda para a direita é o David Sequeira, e foi ele que desenhou o emblema na parede da casa (caserna) da minha secção. Vou mandar o monumento da minha companhia também desenhado por ele.